segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

MÉDICOS PARAM PROCESSO DE TENTAR ACORDAR SCHUMACHER


por Ialdo Belo

A equipe médica que está atendendo o sete vezes campeão mundial da F1 Michael Schumacher suspenderam o processo para retirá-lo do coma induzido, as causas exatas ainda não foram reveladas.
Prestes a completar dois meses desde que sofreu o acidente de ski, o quadro geral de Schumacher permanece inalterado, embora logo no início da redução da sedação ele tenha piscado os olhos e mais recentemente Felipe Massa tenha revelado que em sua visita ao amigo no hospital em Grenoble tenha "sentido" uma melhora no seu estado.
A assessora do ex-piloto alemão, como em outras vezes, não confirmou a notícia...
Enquanto isso, a imprensa espanhola revelou que Schumacher está sendo alvo de um processo naquele país por ter atropelado um motociclista quando conduzia um Audi A4 alugado. O episódio ocorreu em novembro do ano passado e a vítima fraturou um pulso, tendo que ser submetido à cirurgia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário